Mulheres terão direito a tratamento para redução de cicatrizes pós-parto na Maternidade Municipal

Mulheres que tiverem seus filhos na Maternidade Municipal Dalila Ferreira Barbosa terão a possibilidade de realizar um tratamento estético para redução de cicatrizes pós-parto, caso o procedimento seja necessário. O projeto “Sem Cicatrizes”, idealizado e financiado pela ITDM, organização social responsável pela gestão da unidade hospitalar, foi lançado no último dia 1º de dezembro. A atividade contou com a presença dos vereadores Luiz Fernando Alves de Almeida (PSDB) e Divinei da Silva (PL).
Em suas falas, os vereadores ressaltaram o impacto positivo da iniciativa – como ação de humanização da Maternidade – e o ineditismo do trabalho. “Acredito que nem hospitais particulares ofereçam esse serviço às parturientes”, arriscou Luiz Fernando. “Projetos desse tipo precisam ser divulgados e contagiar toda a região”, afirmou Divinei.
Os dois tiveram a oportunidade de conhecer a responsável pelo projeto, a enfermeira e atual gerente de qualidade da ITDM, Liliane Almeida, que falou sobre o surgimento da ideia. “Produzimos relatórios periódicos de análise da satisfação de nossos usuários e percebemos que as cicatrizes, decorrentes do parto, eram uma preocupação constante das mulheres. Daí decidimos desenvolver essa proposta”.
Para melhorar a aparência da pele afetada por cicatrizes ou estrias, Liliane utiliza um procedimento estético chamado dermoterapia – técnica não invasiva que estimula a produção de colágeno e elastina no local afetado.

Autoestima
Assim como o projeto Sem Cicatrizes, a ITDM também mantém na estrutura da Maternidade um salão de cabeleireiro para atendimento às parturientes. O serviço é feito pela profissional Mayara Pedro Paulo Barroso, que cuida da produção das mulheres no pós-parto. “É uma forma de aumentar a autoestima”, explicou.

Espaço Zen
Mas não são só as usuárias que estão sendo beneficiadas com projetos diferenciados criados pela equipe da ITDM. Os funcionários da organização agora contam com um espaço zen – um local de relaxamento, onde recebem massagens e tratamentos de redução de dores, além de orientações sobre como evitá-las. Segundo a fisioterapeuta Roberta Cristina Cruz de Lima, a iniciativa agrada e ajuda muito na melhoria da produtividade e da qualidade de vida. “Há quem pense que exista uma perda de tempo quando o funcionário vem aqui. Pelo contrário. A produtividade aumenta”, ressaltou.

Costura
Luiz Fernando e Divinei ainda tiveram a oportunidade de conhecer o ateliê de costura mantido pela ITDM na Maternidade. No local, são produzidos uniformes, lençóis, cobertores e enxovais para bebês. Os parlamentares ficaram impressionados com o carinho e o cuidado com que são feitas as roupas e elogiaram mais essa iniciativa, reforçando seu ineditismo.

COLUNISTAS

Comente esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

FOTOS

Yellow do Bem arrecada mais de 5 toneladas de alimentos

4

Melhores do ano LAF 2021 reuniu atletas no União

1

Techint cria jardins verticais e painel de grafite

4

Guia de Anunciantes