Prefeitura inaugura Fácil Arujá e homenageia “Jamil Saleh Riman”

A Prefeitura de Arujá inaugurou, na manhã de ontem (08), o Fácil Arujá “Jamil Saleh Riman”, ao lado do Paço Municipal, para oferecer aos cidadãos arujaenses mais um equipamento público para auxiliá-los quanto aos serviços prestados pelo município, em especial os que necessitam de abertura de processo no setor de Protocolo. A solenidade de abertura do espaço teve a execução do Hino Nacional e de Arujá, com hasteamento das bandeiras, comandada pelo mestre de cerimônias João Batista e a Guarda Mirim de Arujá. Houve entrega de flores para as mulheres homenageadas e a família de Jamil Saleh Riman e o descerramento da placa, com discurso das autoridades.
O prefeito doutor Camargo ressaltou que a unidade preza pelo conforto, com senhas e cadeiras, em um ambiente climatizado, com funcionários treinados para orientar a população a resolver pendências, inclusive pelos totens ou pelo computador, disponibilizados no local, tendo a função de agilizar e desburocratizar o atendimento aos munícipes, sem deixar de seguir todos os protocolos sanitários de prevenção contra a Covid-19. 
O Fácil Arujá funcionará de segunda a sexta-feira, das 8h às 17 horas, e contará com atendimento no que se refere a recursos referentes a multas de trânsito, negociação de tributos municipais, Cartão de Idoso para estacionamento (que é emitido na hora), atualização de cadastro imobiliário e todo o conjunto de atividades que era realizado no setor de Protocolo da Prefeitura. “Além disso, haverá guichês das 9 às 17h dos serviços da Viação Arujá, cujos atendimentos devem ser agendados previamente no site da empresa, como a emissão de cartões BOM e recarga do cartão, entre outros serviços, acabando com a necessidade do morador de Arujá ir até Guarulhos ou São Paulo para a recarga ou ir até a garagem da concessionária no bairro da Pedreira para a emissão do cartão”, ressaltou o prefeito.
Dr. Camargo lembrou ainda, com saudosismo, da amizade antiga com o comerciante Jamil e do legado de humildade deixado por ele, que terá sua memória e contribuição com a cidade gravadas na história de Arujá ao denominar o prédio do Fácil Arujá com seu nome.
O chefe do Executivo Municipal, que abriu a cerimônia ao lado da primeira-dama Clau Camargo e do vice-prefeito Betinho, recepcionou a vice-presidente da Câmara e autora do projeto de lei que sugeriu o nome do comerciante de Arujá, Jamil Saleh Riman, ao Fácil, bem como a todos os vereadores que compareceram em peso ao evento. Além dos representantes do Legislativo arujaense, prestigiaram a entrega do Fácil Arujá, bastante emocionada, a família do homenageado Jamil Saleh Riman, representada pela esposa dele Suhem e pelos filhos Amin, Amir e Mona, juntamente com seus familiares, o gerente do Banco Santander Felipe Marques e a representante Maristela de Fátima Roth, o diretor da Viação Arujá, Manoel Adair, e a gerente operacional da concessionária do transporte coletivo na cidade, Adriana Bertini. Da Prefeitura, compareceram todos os secretários municipais, tendo o secretário municipal de Finanças, Caio Araújo, e sua equipe de secretários adjuntos Alexandre Bruni, Mario Froda e Sandra do Carmo, a servidora municipal do setor de Protocolo, Ana Maria de Camargo do Prado e pessoal do CPD da Administração Municipal, sendo destaque na solenidade, devido ao envolvimento do trabalho da Pasta na inauguração e migração dos serviços para o Fácil Arujá. 
Todos os serviços que estavam disponíveis no Protocolo da Prefeitura agora irão para o Fácil Arujá, porém, alguns, que são feitos on-line, necessitarão de um novo cadastro por parte do munícipe, que precisará criar seu login e senha devido às exigências da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). O processo, contudo, já está em andamento. 
O Fácil Arujá passou a funcionar já a partir desta sexta-feira (08), ao lado da Prefeitura, oferecendo vários serviços. Dentre eles, os que possuem maior demanda, conforme explicou a servidora Ana Maria, são: emissão imediata de cartão do idoso para estacionamento, recurso de infração de trânsito direto no sistema, abertura de processos de assuntos diversos, autoatendimento para auxiliar cidadãos no acesso aos serviços on-line, como emissão de segunda via de IPTU, parcelamento de tributos municipais, negociação, Refis (a partir do dia 15 de outubro), entre outros. Na parte da Viação Arujá, há dois guichês exclusivos para atendimentos agendados diretamente com a empresa, das 9 às 17h, para emissão do Cartão BOM, inclusive Escolar e Sênior, e para recargas, facilitando a vida do munícipe, que não precisará mais se deslocar até a garagem da concessionária, nem tampouco para São Paulo para recarregar o cartão.
Para mais informações sobre o Fácil Arujá, acesse o site ou as redes sociais da Prefeitura (prefeituradearuja.sp.gov.br), envie e-mail: facil@aruja.sp.gov.br ou, sobre a Viação Arujá, acesse o site da empresa para mais informações e agendamento: www.viacaoaruja.com.br, e-mail sac@viacaoaruja.com.br ou whatsapp 11 4654-8808.

Jamil Saleh Riman: um comerciante que fez história na cidade
Um homem justo, que sempre andou pelas ruas de Arujá, cumprimentando a todos, sem distinção, e demonstrou solidariedade. Portanto, uma homenagem justa. Assim define o pai Jamil Saleh Riman, o comerciante Amin, que seguiu a profissão do saudoso homenageado, que hoje cede seu nome para ficar marcado na história da cidade, por meio da denominação do prédio do Fácil Arujá.
Jamil Saleh Riman, nascido em 11 de novembro de 1947, foi casado com a Suhem Saab de 1970 à 2008, pai de 3 (três) filhos: Amin Saleh Riman, Mona Saleh Riman e Amir Saleh Riman e avô de 5 (cinco) netos: Yasmin Riman, Rayssa Riman, Nicolle Riman, Tarik Amin Riman e Sihem Riman. Foi comerciante durante toda a vida em Arujá.
A família Riman mora em Arujá desde 1920 e o primeiro a chegar no município foi o tio do Jamil, o Sr. Daud Riman, e depois o pai do Jamil Saleh Riman, o Sr. Hussain Saleh Riman. Na época, o pai do Sr. Jamil foi quem loteou o bairro Vila Riman, e, inclusive, doou um terreno para a Prefeitura no referido bairro, que chegou a ser um Pronto-Socorro. 
O pai do Sr. Jamil foi proprietário do Condomínio V e o lago que existe no local foi construído por ele, que tirava o barro para os tijolos da olaria. Entretanto, pouco tempo depois, ele vendeu a propriedade.
Por toda a sua vida, o Sr. Jamil Saleh Riman contribuiu com o munícipio. Sempre em contato com toda a população arujaense, era um comerciante muito querido na nossa cidade. 
O falecimento do senhor Jamil Saleh Riman ocorreu em 01 de agosto de 2020, aos 72 anos, em decorrência da Covid-19, deixando muitas saudades a todos os que o conheciam e hoje ele é justamente homenageado por meio do projeto de autoria da vereadora Professora Cris do Barreto, que foi sancionado pelo prefeito Dr. Camargo.
Ficam, portanto, uma salva de palmas pela memória do sr. Jamil Saleh Riman, que deixa seu legado de honestidade e amor pela cidade na denominação do Fácil Arujá.

COLUNISTAS

Comente esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

FOTOS

2ª Etapa do Circuito Mirim de Corrida foi realizada

3

Secretaria de Desenvolvimento Econômico homenageou mulheres

3

Polo Arujá da Universidade Anhembi Morumbi torna-se modelo

2

Guia de Anunciantes