Arujá terá campanha de doação de sangue; interessados deverão fazer agendamento

Em um momento crítico da pandemia por conta da Covid-19, outra questão tem preocupado os profissionais de saúde são os baixos estoques de sangue. Com os autos índices de contaminação por coronavírus, doadores deixaram de ir aos hemocentros fazer a doação, mesmo os locais seguindo todas as diretrizes sanitárias.
É pensando em aumentar esses estoques de sangue que o grupo Amigo de Arujá, em conjunto com o Lions Clube de Arujá, através do Hemocentro São Lucas e com apoio da Prefeitura Municipal, realizará a 13ª Campanha de Doação de Sangue. A ação ocorrerá de 18 a 19 e de 24 a 26 de março, das 9h às 14h, no salão do Lions Clube, que fica na Rua São Paulo, 100 – Jardim Planalto – Arujá (próximo ao colégio Esli Garcia Diniz).
Seguindo todos os protocolos de higienização por conta da Covid-19, os interessados em fazer a doação deverão se cadastrar previamente no endereço eletrônico: www.prefeituradearuja.sp.gov.br/campanha
Vale ressaltar que não adianta o doador ir até o local da campanha, pois somente serão atendidas as pessoas cadastradas.
Em cada dia poderão ser atendidos até 110 doadores, sendo que cada doção pode salvar até 4 vidas. Confira abaixo os requisitos básicos e alguns dos principais impedimentos temporários e definitivos para doação de sangue. No entanto, esta lista não esgota os motivos de impedimentos para doação, de forma que outras informações prestadas pelo doador durante a triagem clínica serão consideradas para definir se está apto para doar sangue nesse momento.

Requisitos básicos:
- Estar alimentado, aguardando 2 horas após o almoço e 1 hora após o lanche, evitando alimentação pesada;
- Estar em boas condições de saúde;
- Ter entre 18 e 65 anos;
- Pesar no mínimo 53 quilos e menos de 120 quilos;
- Estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas);
- Estar documentado (RG ou documento equivalente com foto).

Impedimentos temporários
- Resfriado: aguardar 7 dias após desaparecimento dos sintomas;
- Gravidez;
- 90 dias após parto normal e 180 dias após cesariana;
- Amamentação (se o parto ocorreu há menos de 12 meses);
- Ingestão de bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação;
- Tatuagem nos últimos 12 meses; 
- Exposição a situações de risco de adquirir doenças sexualmente transmissíveis.

Impedimentos definitivos
- Hepatite após o 11º aniversário;
- Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue: Hepatites B e C, AIDS (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas;
- Uso de drogas ilícitas injetáveis;
- Malária;
- 30 dias após a vacina de vírus ou bactérias vivos e atenuados. Ex.: caxumba, febre amarela, sarampo, BCG, rubéola, catapora, varíola etc.;

Intervalos para doação
- Homens 60 dias: até 4 doações por ano;
- Mulheres 90 dias: até 3 doações por ano.

COLUNISTAS

Comente esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

FOTOS

"Nossa Arujá e Projeto Saudade" exibe fotos da cidade

8

Prime Beef inaugura loja em Arujá

7

Espaço Ressignificar chega trazendo novo conceito em terapia

3

Guia de Anunciantes