Faltando dois dias para a eleição candidatos deixam mensagem para eleitores

Na reta final para a escolha de quem conduzirá a Prefeitura de Arujá de 2021 a 2024, o Jornal da Cidade traz a última reportagem sobre os candidatos a prefeito. Nesta semana perguntamos aos prefeituráveis o que a população arujaense pode esperar caso eleito. 
Vale lembrar que todas as reportagens com os candidatos e prefeito de Arujá podem ser acessadas no site do Jornal da Cidade, na aba eleições 2020.

Ana Poli – PL (22)
Honestidade em primeiro lugar, juntamente com experiência e competência, farei um trabalho transparente e voltado para o povo. Gostaria de enfatizar meu compromisso com a população, e dizer que farei uma administração humanizada. Deixo claro aqui que quem irá administrar a Prefeitura sou eu! E administrarei como nunca visto antes nesta cidade. Sou grata a todos que estão me apoiando e digo, vamos ter uma Arujá melhor, vamos ter orgulho de viver nesta cidade, precisamos do olhar feminino, com a força de quem conhece Arujá.
Chegou a hora da mudança, agora é vez da mulher. Deus Abençoe e ilumine a todos!

Antonio Ribeiro – PV (43)
Gostaria de contar com o seu apoio para conseguirmos melhorar essa cidade lutando contra o sistema viciado que aqui se encontra.
Iremos por fim no coronelismo que aqui há e também mostraremos que a cidade não tem um dono, mas que ela é de todos nós.
Além disso, iremos aposentar as velhas raposas que tomam conta da Prefeitura há algumas décadas, além de fazer uma auditoria para saber o porquê da cidade estar nessas condições.
O arujaense pode esperar muito trabalho da nossa parte para fazer a cidade se desenvolver e tornar-se referência no Brasil.
Leia nosso plano de governo e apoie nosso projeto.

Castelo Alemão PTB (14) 
A população pode contar com uma pessoa experiente, com dois mandatos e com a menor rejeição entre os que ocupam ou já ocuparam cargos públicos.
E que já mostrou saber o caminho para solucionar os problemas que afligem nossa cidade. Coerência e responsabilidade.

Julio Kaikan – PROS (90)
Arujá foi a cidade que acolheu minha família em 1964, trabalhamos muito e graças ao apoio de todos prosperamos e pretendo retribuir ainda mais este acolhimento, colocando à disposição a minha pessoa, meus conhecimentos e experiências a favor da cidade e desta população. Podem ter certeza que colocaremos a Prefeitura no mesmo nível de uma gestão privada, onde os princípios de eficiência em gestão serão atingidos através da organização, modernização, transparência, respeito ao dinheiro público e ao cidadão. Tudo isso com o objetivo de transformar Arujá em uma cidade mais humana e feliz.

Dr. Camargo – PSD (55)
Os arujaenses e todos os moradores de Arujá podem esperar uma administração totalmente transparente, baseada na verdade, com bastante dedicação, muito trabalho e priorizando os sistemas essenciais como a Saúde, Emprego e Renda, Segurança Pública e Educação, com a implantação de creches integrais e mais vagas, porque hoje a fila de espera é imensa, além da criação de espaços específicos para a promoção de Cultura, Lazer, Turismo e Esportes na cidade. Teremos ainda o tão esperado Hospital Municipal e a UTI Neonatal, que são outras urgências. Enfim, pretendemos dar a Arujá o que ela nunca teve.

Natal Calixto - PSOL (50)
Queremos dar mais capacitação ao servidor público e não terceirizar nenhum setor, pois a terceirização já se mostrou caminho aberto para a corrupção.
Na Saúde e Educação o grande desafio será fazer funcionar o que já existe, e isso iremos fazer com integração entre as Secretarias.
Nossa gestão não é só de gabinete, pois queremos a população na Prefeitura, e para isso incentivaremos os conselhos populares para que o povo participe ativamente das decisões, e assim o orçamento será executado de acordo  com as reais necessidades, especialmente dos bairros onde nunca chegaram as políticas públicas.

Márcio Batista - PSB (40)
Nasci, cresci e escolhi constituir minha família nesta cidade! Não sou aventureiro que chegou a pouco tempo, não respondo por nenhum processo ligado ao crime organizado, e fiz uma campanha modesta sem dinheiro privado, ou seja, sem lotear os cargos da Prefeitura ou acordos para futuros contratos superfaturados.
Eleito, irei focar em 3 eixos: Valorização do Servidor Público, transparência no atendimento à Saúde e desenvolvimento do Turismo Sustentável como vetor de Geração de Emprego e Renda, assim faremos a população arujaense voltar a sentir orgulho de morar na cidade natureza.

 

Renato Caroba – PT (13)
Vamos colocar em prática uma proposta de governo popular, que priorize os bairros e leve serviços públicos a quem mais precisa. Sou a única candidatura com condições de garantir isso porque não sou financiado por grandes empresas que depois irão cobrar a conta e influenciar nas decisões do governo, como fazem há mais de 20 anos. Vamos governar para quem vive a cidade e não só nos condomínios. Vamos acabar com a terceirização na saúde, desapropriar os bens da Continental e criar políticas públicas inclusivas e sustentáveis, como o Tarifa Zero, Meu Primeiro Emprego, Saúde Inteligente, Cartão Cidadão e muitos outros que garantam serviços ao povo.

Capitão Rodrigo – PP (11)
A população pode ter certeza que irei honrar com meus compromissos apresentados na campanha. Um dos mais importantes é o combate à corrupção. Vamos rever todos os contratos, fazer as licitações com transparência e regras que possam garantir que, se não forem cumpridas à risca, a contratação perderá efeito. Outro item não mesmo importante é fazer a reforma administrativa, diminuindo o número de Secretarias e economizar recursos para serem investidos em áreas como a saúde, tão relegada pela atual gestão. Vou honrar cada voto confiado. 

Professora Suzana Caraça – Republicanos (10) 
A população de Arujá pode ter certeza que meu governo será de compromisso e transparência. Sou mulher, mãe, professora e tenho experiência em administrar muito com pouco. Vivo em Arujá há mais de 30 anos, e conheço de perto a realidade do nosso povo. Primeiramente vamos nos dedicar para colocar nossa cidade nos trilhos, colocando as contas da cidade em ordem e contabilizando os recursos disponíveis a fim de manter a economia girando para manter os empregos que correm risco no pós-pandemia. Vamos organizar as Secretarias e ver as demandas emergenciais, principalmente na área da saúde, que foi uma das que mais sofreu nessa crise e avançar para  que Arujá seja uma cidade nota 10. E NESSE DIA 15 SOMOS TODOS 10.

 

 

 

 

 

COLUNISTAS

Comente esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

FOTOS

Techint cria jardins verticais e painel de grafite

4

Final da Gigantes da LAF 2021 acontece neste domingo

1

LAF promove jantar de confraternização para os clubes

2

Guia de Anunciantes