Após anos de espera, passarela na Dutra é entregue à população

Uma luta de quase 20 anos foi vencida na tarde de ontem (29) pela população arujaense com a entrega da passarela de pedestres do quilômetro 203,5 da Rodovia Presidente Dutra, em frente ao Centro Industrial, em Arujá. A obra, reivindicada principalmente por trabalhadores e  pedestres que diariamente atravessam a rodovia, foi entregue em evento com a presença do prefeito de Arujá José Luiz Monteiro, o ministro dos Transportes, Valter Casimiro, os deputados Marcio Alvino (federal) e André do Prado (estadual), dentre outras autoridades.
A estrutura recebeu um investimento de R$ 2,6 milhões e beneficia quem utiliza a Via Dutra para trabalhar no Centro Industrial ou reside nos bairros Jardim Joia, Jardim Tupi, Nova Arujá e Jordanópolis. A construção representa a conquista de uma reivindicação feita há décadas por moradores, prefeitos, deputados e vereadores. 
Além da viga principal, outras 17 compõem as rampas de acesso que receberão dispositivos de segurança que inibem o uso por motociclistas. Ao todo, a passarela possui 35 metros.
O ex-prefeito Abel Larini, o presidente da Câmara, Abel Franco Larini, o Abelzinho, o secretário de Estado de Logísticas e Transportes, Mário Mandolfo, o diretor da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Sérgio Lobo, o presidente do Centro Industrial, Sérgio Luiz Guaglioni, o Serginho, o prefeito de Guararema, Adriano Leite e o de Suzano, Rodrigo Ashiuchi, os vereadores Ana Poli, Castelo Alemão, Reynaldinho, Paraíba Car, Rafael Laranjeira, Gabriel dos Santos, Cris do Barreto, Marcelo Oliveira, dentre outras autoridades participaram do evento.
“Diariamente cerca de 600 pessoas do Centro Industrial precisam atravessar essa rodovia. Isso trará mais segurança para esses trabalhadores”, disse o presidente do Centro Industrial.

Segunda passarela será entregue em julho
Também construída em Arujá, a passarela no quilômetro 201,7 está prevista para ser concluída em julho, segundo o Ministério dos Transportes. Ela beneficiará principalmente os moradores do Jordanópolis, Parque Maringá e Jardim Fazenda Rincão. O investimento é de R$ 2,9 milhões.

COLUNISTAS

Comente esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

FOTOS

2ª Etapa do Circuito Mirim de Corrida foi realizada

3

Secretaria de Desenvolvimento Econômico homenageou mulheres

3

Polo Arujá da Universidade Anhembi Morumbi torna-se modelo

2

Guia de Anunciantes