Prefeitura confirma terceira morte por febre amarela; cidade totaliza quatro casos da doença

Foi confirmada na tarde de ontem (9) pela Prefeitura de Arujá que a morte do servidor público Anderson da Nóbrega, de 33 anos, foi por conta da febre amarela. A vítima, que morava no bairro Mirante, faleceu na noite do último dia 23 de fevereiro. A Secretaria de Saúde aguardava o laudo para a confirmação da causa da morte. Anderson trabalhava na Escola Municipal Marisa Aparecida Pendeza, localizada no Jardim Fazenda Rincão.
Essa foi a terceira morte no município. O primeiro óbito foi de um senhor 60 anos que residia no Jardim Josely e faleceu no dia 24 de janeiro e um morador do bairro dos Correas, de 46 anos, cujo óbito ocorreu em 9 de fevereiro e foi notificado à Saúde no último dia 2 de março. 
Além dessas mortes tem uma mulher, que reside em um condomínio, que contraiu a doença e está se recuperando.
Segundo a nota enviada pela Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Arujá, a Secretaria de Saúde aguarda o resultado da necropsia de um macaco que morreu no da 2 de março.
 
Vacinação
Oitenta e uma mil pessoas foram vacinadas contra a febre amarela em Arujá, até ontem. A dose é aplicada nas Unidades Básicas de Saúde Parque Rodrigo Barreto, Nova Arujá, Jardim Real, Mirante, Jardim Fazenda Rincão e no Centro de Saúde II.
 
Combate
A Vigilância em Saúde ressalta que febre amarela, dengue, chikungunya e zika vírus são transmitidos pelo mesmo mosquito, o Aedes aegypti, e que a forma mais eficaz de evitar a reprodução dele continua sendo eliminar qualquer possibilidade de criadouro.
Mais do que nunca, é fundamental não permitir água parada em casas, terrenos e quintais, o que exige cuidados diários simples como manter garrafas, baldes e outros recipientes com a boca para baixo, colocar areia nos pratinhos de planta e lavar com água e sabão os potes de água dos animais domésticos. Caixas d’água, tambores e tonéis de armazenamento de água devem ser bem tampados e, se possível, contar com tela de proteção.
Outra medida importante é usar repelente para evitar a picada de insetos.

COLUNISTAS

Comente esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

FOTOS

2ª Etapa do Circuito Mirim de Corrida foi realizada

3

Secretaria de Desenvolvimento Econômico homenageou mulheres

3

Polo Arujá da Universidade Anhembi Morumbi torna-se modelo

2

Guia de Anunciantes