Educação anuncia retorno às aulas de forma não presencial em Arujá

A Secretaria de Educação de Arujá anunciou que o ano letivo na cidade será retomado de forma não presencial no dia 9 de junho. A informação foi abordada durante Audiência Pública realizada na úlitma quarta-feira (27/05), referente à prestação de contas do primeiro quadrimestre do ano. A Sessão foi transmitida pelo canal oficial da Câmara Municipal no Youtube.

Segundo a Pasta, as medidas adotadas têm base nas deliberações do Conselho Nacional de Educação (CNE), considerando a necessidade de manter a política de distanciamento social nas escolas para evitar a disseminação do coronavírus entre os alunos e familiares. 
"Vamos retomar o ano letivo por meio de estratégias pedagógicas preparadas exclusivamente para o período de quarentena. O objetivo é seguir com as metas de aprendizagem e o desenvolvimento das competências e habilidades dos alunos", afirma a secretária municipal de Educação, Priscila Sidorco.

Estratégias pedagógicas
No Ensino Fundamental, a estratégia inclui a distribuição de material impresso aos alunos do Ensino Fundamental e a utilização de uma plataforma virtual de aprendizagem. A Secretaria de Educação divulgará nos próximos dias as informações sobre a entrega do conteúdo e o acesso ao ambiente on-line.
Estudantes que não tiverem acesso à internet serão atendidos por meio de outras estratégias, como a realização de atividades com o auxílio de um educador de plantão nas unidades, respeitando as medidas de isolamento social.
Na Educação Infantil, conforme orientação do Conselho Nacional de Educação (CNE), haverá acompanhamento virtual das unidades escolares com as famílias. O objetivo consistirá em estreitar vínculos e sugerir a realização de atividades às crianças. 

Prestação de contas
A Audiência Pública de prestação de contas referente ao primeiro quadrimestre de 2020 pode ser assistida, na íntegra, na página da Câmara Municipal do Youtube. Os dados expostos pelo secretário municipal adjunto de Educação, David Mendes, mostram que, até o momento, a Pasta gastou R$ 20.601.097,38 dos R$ 39.265.803,49 empenhados para os primeiros quatro meses do ano.

COLUNISTAS

Comente esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

FOTOS

Ana Poli é a candidata à prefeita pela coligação Somos Todos

5

Republicanos confirma doutora Branca candidata a prefeita

2

PROS oficializa a candidatura de Júlio do Kaikan

1

Guia de Anunciantes