População pode denunciar eventos e aglomerações pelo 153 ou 190

A população arujaense pode ajudar o Poder Público a conter a contaminação do coronavírus na cidade por meio de cuidados pessoais e denúncias de eventos e quaisquer atividades que causam aglomeração de pessoas. Basta ligar no 153 (Guarda Civil Municipal) ou 190 (Polícia Militar) e informar a localização da ocorrência.
Conforme o decreto nº 7.343 publicado ontem (23/03), os responsáveis pela realização de reuniões em massa, pancadões, celebrações ou comemorações em ruas, praças, sítios, clubes e residências em Arujá serão multados no valor de R$ 1.338,61.

Ocorrências
No último fim de semana, a GMC e a PM de Arujá realizaram mais de 50 ocorrências, intervindo em festas organizadas tanto em locais públicos quanto privados. Só na madrugada de sexta para sábado, os agentes registraram 38 notificações de eventos. Já na virada de domingo para segunda, foram mais 22 reuniões. As informações são da Secretaria Municipal de Segurança Pública.

Comércio não essencial
Os cidadãos também podem avisar o Poder Público sobre o funcionamento de comércio não essencial, que está proibido em todo o Estado de São Paulo até o dia 7 de abril. Já os estabelecimentos considerados essenciais, como farmácia e supermercados, estão liberados para abrir as portas, desde que controlem o acesso de entrada e saída, de modo a diminuir os riscos de contaminação da Covid-19.

COLUNISTAS

Comente esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

FOTOS

Sanitização de ambientes, uma arma contra o coronavírus

2

Túnel de desinfecção produzido em Arujá recebe laudo

1

Lions Clube doa 3 mil máscaras para população arujaense

1

Guia de Anunciantes