28/05/2019

Adesão à vacina contra a gripe é menor em crianças, gestantes e professores

Com a proximidade do fim da campanha de vacinação contra a gripe, no próximo dia 31, a adesão de crianças, gestantes e professores preocupa a Secretaria de Saúde. Enquanto a imunização em trabalhadores da Saúde, idosos e puérperas teve as metas (90%) ultrapassadas, os três grupos não atingiram nem 70% do necessário.
A vacinação iniciou em 10 de abril e no dia 22 do mesmo mês foi ampliada para doentes crônicos, policiais, bombeiros e membros ativos das forças militares. O atendimento vai das 8 às 15h30, nas Unidades Básicas de Saúde e no Centro de Especialidades Médicas (CEM), o antigo CS II.

Balanço
Balanço atualizado da Secretaria de Saúde até quinta-feira (23/05) mostra que o município aplicou 14.902 doses no total, o correspondente a 77% da população dos grupos prioritários. Para bater a meta (90%), a cidade deve imunizar 15.474 pessoas.
Dos grupos prioritários, foram vacinados 1.566 (103%) trabalhadores da Saúde, 6.249 (97%) idosos, 161 (90%) puérperas, 486 (66,5%) professores, 1.705 (62%) doentes crônicos, 633 (58%) gestantes, 3.990 (59%) crianças de até 5 anos, 11 meses e 29 dias, e 30 profissionais militares.

Endereços
Os locais de vacinação ficam na Estrada do Kondo, 712, no Mirante; Rua Pedro Severino Martins, 231, no Parque Rodrigo Barreto; Avenida dos Expedicionários, 1.255, no Centro (CEM); Rua Oscar Schiavon, 390, no Jardim Emília; Rua São Paulo, 675, no Jardim Real; Av. Benedito Manoel, 1.300, no Jardim Fazenda Rincão; Avenida São Lucas, 310, no Nova Arujá; e Rua Tailor do Nascimento, ao lado da Escola Municipal Paulo Freire, na Vila Pilar.

Comente esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.


FOTOS


Guia de Anunciantes