06/05/2019

Cadastramento de 110 adolescentes em portal eletrônico facilita acesso a curso e emprego

A Secretaria Municipal de Assistência Social, por meio do Centro de Convivência da Criança e do Adolescente do Centro (antigo Pró-Menor), cadastrou 110 jovens de 14 a 17 anos no portal do Centro de Integração Empresa Escola (CIEE). A iniciativa teve a parceria do órgão.
Na prática, os adolescentes inscritos estarão aptos a concorrer às vagas de jovens aprendizes e estágio nas empresas de Arujá e região, bem como poderão participar de 15 modalidades de cursos on-line disponíveis gratuitamente no portal eletrônico. As capacitações são das áreas de informática, direcionamento de carreiras, elaboração de currículos e orientações para entrevistas, entre outras. As fichas de inscrição são lançadas na plataforma do CIEE mediante a autorização dos pais ou responsáveis.
De acordo com a consultora de atendimento às empresas do CIEE, Simony Silva, os adolescentes com idade a partir de 14 anos e os jovens de até 23 anos que cursam o Ensino Fundamental e Médio (ou concluíram o Ensino Médio) e não ingressaram na faculdade devem cadastrar-se no site www.ciee.org.br. Outras informações podem ser obtidas na Área do Estudante do Portal ou na central de atendimento (3003 2433).
“O nosso papel é estimular as potencialidades e desenvolver as capacidades por meio da integração e da troca de experiências entre os participantes, valorizando o sentido da vida coletiva”, afirma o diretor de departamento e coordenador do Centro de Convivência central, Adão Vagner Ursino da Silva.
A unidade oferece o serviço de convivência e fortalecimento de vínculos às crianças a partir dos 10 anos e aos adolescentes de até 17 que são de famílias referenciadas nos Centros de Referência de Assistência Social (CRASs) Centro e Barreto, por meio de atividades e cursos de iniciação profissional.
O telefone, para outras informações, é o 4655-2900.

Comente esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.


FOTOS


Guia de Anunciantes