25/01/2019

Cris do Barreto destina emendas impositivas às áreas prioritárias de educação, saúde e assistência social

A vereadora Cristiane Araújo Pedro (PSD), a Profª Cris do Barreto, focou em ações na área de educação ao destinar verbas por meio de emendas impositivas à Lei Municipal nº 135/2018 – que trata do Orçamento Municipal para o Exercício de 2019. A parlamentar ainda indicou recursos para assistência social, lazer e – coletivamente com os demais vereadores – saúde.
Foram R$ 30 mil para a manutenção e a conservação da Emeia 4 (emenda nº 199/18), unidade educacional do Parque Rodrigo Barreto. 
R$ 30 mil para melhorias na Escola Municipal Profº Eufly Gomes (emenda nº 201/18), no Centro Residencial. “Essas medidas são necessárias para que nossas crianças estudem em ambientes com condições de infraestrutura e manutenção dignas”, justificou a autora das emendas.
R$ 37 mil para criação de um espaço de recreação no Barreto (emenda nº 204/18). 
R$ 20 mil, destinado à compra de cadeiras de rodas, cadeiras de banho e muletas para a Secretaria de Assistência Social. Segundo a parlamentar, a disponibilidade de tais equipamentos não contempla a real demanda.
R$ 400 mil para a construção da cobertura da quadra esportiva, manutenção e conservação da Escola Municipal Professor Eufly Gomes, montante que, de acordo com a emenda, será retirado do Gabinete do Prefeito na categoria “serviços de terceiros pessoa jurídica”.
R$ 300 mil também do Gabinete do Prefeito para a construção de cobertura na quadra da Escola Municipal Sidonia Nasser do Prado, e a realização de reparos na unidade. 
R$ 30 mil – para construção de um estacionamento no Pronto Atendimento Municipal (PAM). De acordo com a autora, a medida visa oferecer maior segurança aos munícipes, que precisam recorrer ao atendimento na unidade, e evitar que o trânsito no entorno da unidade seja impactado.
Conforme determina a Lei, os vereadores destinaram R$ 1.788.460,00 à Secretaria de Saúde. Foram protocoladas as emendas (nº 202/2018 e nº 207/2018) de autoria de todos os parlamentares. A primeira, no valor de R$ 468 mil, estã destinada ao Centro de Especialidades Médicas (CEM) e a segunda prevê R$ 1,2 milhão para instalação do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (Caps AD). 

Fonte: Câmara Municipal de Arujá

Comente esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.


FOTOS


Guia de Anunciantes