28/05/2019

Arujá se fez presente na manifestação da Avenida Paulista

No domingo, 26 de maio, ocorreram manifestações em centenas  de cidades do Brasil, havendo é claro maior concentração de pessoas nas capitais dos estados e Distrito Federal. Todas mostravam pessoas vestidas de verde e amarelo, reforçando o caráter patriota do ato e o desejo que os congressistas votem os projetos endereçados pelo Governo Federal em busca de reestruturar o País. As reivindicações dos presentes basicamente reportavam-se à Medida Provisória 870, a Reforma da Previdência e Projeto anticrime do Ministro Sérgio Moro. Claro que apareceu um ou outro mais radical, pedindo fechamento do STF e do Congresso Nacional, mas certamente não significaram  0,1% dos presentes. 
Em São Paulo a grande concentração de manifestantes estava exatamente na Avenida Paulista. Entre os mais diversos grupos estava um denominado “Direita VouVer Arujá”, o qual foi bastante assediado por fotógrafos e equipe de cinegrafistas. 
Este grupo saiu do município por volta das 13h30, somando jovens, adultos e idosos, moradores dos mais diversos bairros e também dos condomínios, os quais, assim como os demais presentes na Paulista, queriam demonstrar o descontentamento com a demora da aprovação dos projetos enviados pelo Governo, MP 870,  Ministro Paulo Guedes, Reforma da Previdência, e Ministro Sérgio Moro, Projeto Anticrime. Importante frisar que a falta de aprovação dos projetos está prejudicando o País. No caso da Reforma da Previdência, o atraso na votação está impedindo que aconteçam investimentos que vão gerar emprego e renda para as famílias.
Na Avenida Paulista houve ordem e diversificação de manifestantes: pessoas de todas as idades, famílias inteiras desfilando suas bandeiras, grupos de jovens, de idosos, pais com filhos no colo ou nos ombros, pessoas com seus animaizinhos, negros, brancos, amarelos, heterossexuais e  homossexuais, todos ocupando o mesmo espaço em clima de alegria e respeito. 
Parabéns aos arujaenses que deixaram o conforto de seus lares em um lindo domingo de sol, dando sua contribuição para que os congressistas façam o trabalho para o qual foram eleitos: votar os projetos endereçados pelo governo, seja favoravelmente, ou não, assim os eleitores podem saber se votaram certo ou errado. Não votar é covardia.

Comente esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.


FOTOS


Guia de Anunciantes