17/12/2018

Em Sessão Solene, Câmara Municipal de Arujá homenageia Grupo Escoteiro Arujá

A Câmara Municipal de Arujá realizou Sessão Solene na noite da última quarta-feira, 12, para a entrega do Diploma de Honra ao Mérito ao Grupo Escoteiro Arujá para atender ao Decreto Legislativo 236/2018 de autoria da vereadora Ana Cristina poli (PR). Abel Franco Larini, o Abelzinho, presidente do Legisaltivo arujaense, conduziu a solenidade e teve ao seu lado na Mesa os vereadores Ana Poli, Cristiane Araújo Pedro, a Professora Cris do Barreto (PSD) e Edvaldo de Oliveira Paula, o Castelo Alemão (PSC). Também compuseram a Mesa a fundadora e atual diretora administrativa do Grupo Escoteiro Arujá Shirley Terenciano, o atual presidente Jaceguai Francisco Bitencourt e o comissário distrital da Região do Alto Tietê, Ananias Antonio da Silva, que coordena oito grupos de escoteiros. O vereador Reynaldo Gregório Junior, o Reynaldinho (PTB) também marcou presença.
Cris do Barreto foi encarregada de fazer a leitura da biografia do homenageado e logo em seguida Ana Poli usou a tribuna para justificar a homenagem. “O Grupo Escoteiro Arujá realiza um trabalho maravilhoso para a cidade. Quando quis fazer essa homenagem pensei de maneira ampla para destacar o trabalho da diretoria, dos alunos, dos pais. Aliás, o apoio dos pais é fundamental para o desenvolvimento de atividades extras, como ocorre com o Grupo Escoteiro Arujá. E isso é um diferencial, pois prepara os alunos para se tornarem homens fortes, enfrentar problemas e tomar decisões sábias”.
Jaceguai Francisco fez uma reflexão: “Sou o guardador do meu irmão, mas quem é meu irmão? Todas as pessoas deste mundo são nossos irmãos, por isso devemos ser guardadores de todos eles. Estou no grupo há 29 anos e vi muita gente ser formada. Quando o garoto é esperto, tira muitas lições de nós adultos. Ele sabe separar as coisas boas. Por trás das brincadeiras sempre existe uma finalidade”, concluiu.

Música
Composto naquela oportunidade por 22 vozes e regido pelo maestro João Tadeu, o Coral Seigan fez uma brilhante apresentação e ao final acabou sendo ovacionado de pé pelo público e autoridades presentes à solenidade. Foram três canções, a primeira delas intitulada “Jovens de grande juramento”, em homenagem aos escoteiros. Depois, “Sereia”, de Lulu Santos, em homenagem às mulheres e por fim a canção poema “A longa e distante correnteza do Amazonas”.

A recompensa virá do Criador
Coube a Shirley Terenciano as considerações finais no uso da tribuna. Ela fez um breve resumo da sua atuação à frente do Grupo Escoteiro Arujá. “Plantei uma semente e conseguimos vencer. Em determinado momento me fizeram acreditar que eu estava perdendo tempo, mas tive garra para não desistir. Saibam que por trás dessa mulher brava existe uma pessoa sensível e emotiva. Essa homenagem é para todos vocês que me acompanham desde 08/08/1987. Estou no movimento escoteiro desde 1985 e tenho certeza que a recompensa virá do Criador. Estamos sempre alerta para servir!”, finalizou.

Comente esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.


FOTOS


Guia de Anunciantes