06/03/2018

Guarda Municipal de Arujá receberá emenda de R$500 mil do deputado Lucena

Verba deverá ser investida na aquisição de novas viaturas, equipamentos e no sistema de monitoramento; previsão é que o valor seja creditado ainda no primeiro semestre

O deputado federal Roberto de Lucena (PV) anunciou na manhã de ontem (5) a destinação de uma emenda de R$ 500 mil para Guarda Civil Municipal de Arujá (GCMA), departamento vinculado à recém-criada Secretaria de Segurança Pública. A verba deverá ser creditada ainda no primeiro semestre, segundo informou o parlamentar. O anúncio da emenda ocorreu na sede da GCM e foi acompanhada pelo prefeito de Arujá, doutor José Luiz Monteiro (MDB), o vice, Marcio José de Oliveira, vereadores, secretários dentre outras autoridades.
Em entrevista a imprensa, Lucena salientou que em agosto do ano passado recebeu um pedido de Arujá solicitando a compra de novas viaturas, fardamento e equipamentos para o sistema de monitoramento. “Esse recurso vai dar para atender a uma boa parte desse projeto, tornando a Guarda de Arujá uma das mais bem equipadas da região. No pedido feito no ano passado tinha a aquisição de veículos novos, motocicleta, base móvel e cerca de 10 novas câmeras do sistema de monitoramento”, salientou o parlamentar.
Além deste recurso, o deputado acrescentou que assumiu um compromisso com a administração e a GCMA de enviar mais uma emenda no valor de R$ 500 mil ainda em 2018. Segundo Lucena o valor será para a ampliação e manutenção do sistema de monitoramento.
Falando sobre a emenda, o prefeito José Luiz Monteiro disse que o valor será investido na modernização e reequiparação da Guarda. “Se cobra muito, no que tange a Segurança Pública e a Guarda é muito exigida e nós não temos condições de fornecer uma capacidade de trabalho melhor e essa verba vai ajudar muito a desenvolver um serviço melhor em prol da população”, ressaltou o chefe do Executivo Municipal.

Comente esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.


FOTOS


Guia de Anunciantes