13/11/2017

Com a presença de cônsul-geral da Hungria, Jorge Melecsevics recebe título de Cidadão Arujaense

Com dupla cidadania, brasileira e húngara, o escritor e enxadrista Jorge Melecsevics recebeu o Título de Cidadão Arujaense na noite da última quarta-feira (8). A Sessão Solene foi realizada na Câmara de Arujá e contou com a presença da Cônsul-Geral Adjunta da Hungria, Zsuzsanna László, do prefeito de Arujá José Luiz Monteiro, os vereadores autores do Decreto Legislativo nº  07/2017, que concedeu o Título de Cidadão, Abel Franco Larini (PR), o Abelzinho, e Edvaldo de Oliveira Paula (PSC), o Castelo Alemão, dentre outras autoridades.
Praticante de xadrez desde 1972, Jorge nasceu em São Paulo no ano de 1.959. É filho de Luiza Melecsevics, brasileira, nascida em São José dos Campos, no Vale do Paraíba, e de Janos Melencsovics, húngaro, de Szegtivar.
Formado em Filosofia pela Universidade de São Paulo (USP), Jorge é um aficionado pelo xadrez e, além de representar a cidade torneios oficiais e organizar outros no município, já produziu diversas publicações sobre o tema. Entre as quais, duas edições do Manual de Enxadrismo Escolar. Sua última obra é um livro sobre Xadrez Japonês.
Ao fazer uso da palavra, a cônsul fez questão de demonstrar o orgulho pelo compatriota e pelo Brasil. “Em nome do povo húngaro quero demonstrar minha gratidão ao povo brasileiro que acolheu vários húngaros, inclusive os pais de Jorge, quando eles foram obrigados a deixar sua Pátria. E fazer um agradecimento especial ao Jorge por ter criado mais laços entre os dois países do que muitos diplomatas”, afirmou Zsuzsanna László.
O prefeito José Luiz Monteiro (PMDB) prestigiou a Sessão Solene e salientou sua admiração pela Hungria tanto por meio do futebol – destacou a seleção do País de 54 – responsável por despertar seu interesse pela cultura húngara – e as lições que “o pequeno País incrustado na Europa” pode dar ao Brasil. “A Hungria tem mais pessoas agraciadas com o Prêmio Nobel que muitos outros países do mundo”, comparou. Sobre Jorge, o chefe do Executivo destacou sua dedicação à cidade. “Para ser enxadrista tem que ser inteligente e ele desenvolve essa inteligência trabalhando na Secretaria de Saúde. Esse prêmio é o reconhecimento de todos nós ao seu trabalho, Jorge, a sua presença aqui em nossa cidade e à sua capacidade de trabalho”, finalizou.

Comente esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.


FOTOS


Guia de Anunciantes